Copo de 3: Copo de 3 por Santiago de Compostela

15 agosto 2005

Copo de 3 por Santiago de Compostela


Considero Santiago de Compostela um paraíso, um local de descanso e de repouso da alma, onde todos os nossos problemas se colocam de lado, onde se respira uma atmosfera mágica que nos acolhe...
Se ir como Peregrino é uma aventura e uma experiência única na vida, andar pelas suas ruas é algo de extraordinário.


Recaindo aqui, apenas as atenções para a sua oferta quer de vinho quer de comida, então falamos de algo que não encontramos todos os dias... se juntarmos o especial bem receber e simpatia do povo Galego, com a habilidade de fazer as belas Tapas, Pinchos, Tapaditos... com uma oferta de vinho a copo a preços dignos de registo então estamos mais que falados.
Saber que se pode fazer uma ronda pelas principais ruas, e ir provando os grandes petiscos com os produtos tradicionais em destaque, acompanhados de vinho a copo, e onde a oferta permite provar belíssimos vinhos servidos a temperatura adequada e com um copo como deve de ser.


É tudo isto que faz, com que Santiago de Compostela seja um dos meus retiros de férias... e conhecer os seus recantos um dos meus passatempos.. porque por mais vezes que por lá ande, descubro sempre mais uma tasca, mais um recanto, mais um encanto...
Se pensarmos que às 11 da noite estou encostado a uma janela a pedir um tapadito de Pemento Recheado de Salsa de Bonito e Mexillon de Galicia... acompanhado por um copo de Albarino Fillaboa 2004 as palavras vão ser certamente poucas.


Se a tudo isto acrescentar-mos que o Tapadito custa 0,95€ e o copo de Albarino 2 €.... então é que não vale a pena dizer mesmo nada e limitar-me a saborear o momento.
Santiago de Compostela, tal como toda a Galicia, é um mar de sabores, desde as Empanadas de Bonito, Bacalao, Maiz... Pimentos de Padrón, as ditas Tortilhas, o Caldo Gallego, o Lacon, o Jamon Assado... dispondo de uns produtos de primeira categoria, os tais com Denominação de Origem (D.O)... contamos então com:


Mexillon de Galicia
Mel de Galicia
Lacón Gallego: Resulta da pata da frente do porco, que depois de salgado, lavado e curado adquire umas características especiais. Prato mais famoso é o Lacón con Grelos.


Queixo Tetilla: Feito com leite de vaca , de pasta mole e cremosa, suave e de bom paladar
Queixo Arzúa-Ulloa: feito de leite de vaca é ligeiramente doce, muito cremoso e pouco salgado. Pode ser mole ou semicurado.
Queixo de San Simón da Costa: com leite de vaca, parecido ao Tetilla mas é fumado com uma madeira típica da zona, Abedul.
Patata de Galicia
Ternera Gallega
Queixo do Cebreiro


e depois ainda temos os licores onde destaco o Licôr Luna de Café Blue Mountain, uma verdadeira delícia, os Orujos, e claro estó o Vinho Alvarinho, Ribeiro ... de doces o destaque vai para a Tarte de Santiago entre outros...


A oferta de Restaurantes vai desde os mais simples até aos mais caros, desde o Restaurante dos Reis, no Hostal dos Reis Católicos, antigo Hospital de Peregrinos e talvez o mais antigo Hotel do Mundo, até ao restaurante da famosa chefe Toñi Vicente... a escolha depende da vontade e da carteira.


Para não perder uma passagem pelo chocolate do bar Metate situado numa antiga fábrica de chocolate, simplesmente delicioso.

Com tudo isto, as saudades já apertam, e só penso em voltar de novo...

1 comentário:

cristal disse...

que saudades tão boas...

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.