Copo de 3: PROVA Montinho São Miguel 2004

11 Dezembro 2005

PROVA Montinho São Miguel 2004

Depois do primeiro vinho Herdade de São Miguel 2003, surge este ano do mesmo produtor, como novidade este Montinho São Miguel 2004, um vinho feito a partir das castas Aragonês, Trincadeira e Cabernet Sauvignon, apresentando-se com 13,5% e uma tonalidade granada escuro de boa intensidade.No nariz, tem uma entrada a fruta vermelha e negra bem madura (ameixa, amora) com boa concentração aromática, em conjunto com leve fumo e notas de torrados que se juntam a especiarias (pimenta), notas vegetais, acompanhadas de ligeiro floral.Na prova de boca, mostrou-se de corpo médio, com presença de fruta, algum torrado num conjunto que se mostra redondo e equilibrado com boa passagem na boca, leve vegetal dando ligeira adstringência no final, acidez a dar frescura ao vinho com final de boca médio/curto ligeiramente especiado.Mostrou-se um vinho fresco de aromas, equilibrado e bom companheiro do dia a dia, com um preço no produtor de 3,75€ 14,5

5 comentários:

Anónimo disse...

Ja agora, qual e' o preco indicativo deste vinho? Quando o provei, a adstringencia pareceu-me excessiva e agressiva. Partilha da minha opiniao?

Copo de 3 disse...

O preço que me foi indicado pelo produtor para este vinho é de 3,75€ com Iva incluido.
Quanto ao nível de adstrigência nada como ler a nota de prova onde está a minha opinião sobre o vinho.

Anónimo disse...

Obrigado pela indicacao do preco. Este vinho vende-se em Inglaterra por cerca de 10 euros.

O objectivo da minha pergunta era que elaborasse a sua opiniao em relacao 'a adstringencia do vinho - notas de prova sao necessariamente sucintas.

Anónimo disse...

PS: tem no seu blog nota de prova relativa ao Herdade de Sao Miguel?

Copo de 3 disse...

Tenho pois, relativamente ao 2003 que pode ser vista no link abaixo:
http://copod3.blogspot.com/2005/08/prova-herdade-de-so-miguel-2003.html

A prova do Herdade de São Miguel 2004 será colocada muito em breve.

Sobre a adstrigência, no meu entender nota-se ligeiramente no final de boca, não incomodando em nada durante a prova. O vinho talvez melhore com o tempo em garrafa, mas é vinho para ser bebido jovem.

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.