Copo de 3: Covela Colheita Seleccionada branco 2005

13 Março 2009

Covela Colheita Seleccionada branco 2005

Depois de já termos aqui falado do Covela Escolha, um branco de admirável pureza e frescura, é tempo de colocar no copo o Covela branco que teve passagem por madeira, o Colheita Seleccionada.
Muito sucintamente poderei dizer que vejo como este vinho em prova como a versão Outono/Inverno, mais contemplativo, bem mais sereno e a mostrar alguma frescura, com frutos secos e tosta, um ambiente mais acolhedor a quem se aproxima, enquanto que e o Escolha o encaro como a versão Primavera/Verão, muito mais extrovertido, fresco, belíssima dinâmica quer em nariz quer em boca, enérgico e arejado. São dois estilos cheios de classe e que apelam ao convívio de copos entre amigos.
Este 2005 aqui em prova mostrou-se um pouquinho introvertido no que respeita ao diálogo com a fruta, pelo que a não ser por esse ''pequeno'' detalhe a nota seria um pouco melhor.

Covela Colheita Seleccionada branco 2005
Castas: Avesso e Chardonnay - Estágio: Fermentação parcialmente feita em barricas, assim como estágio de 6 meses, com “batonnage” -13,5% Vol.

Tonalidade amarelo citrino de nuance dourada.

Nariz onde se sente de imediato a discreta presença de madeira onde estagiou. De qualquer forma é baseado na presença da fruta (citrino, tropical) ainda com frescura, que o vinho mais se mostra. Intensidade um pouco mais contida neste Colheita Seleccionada, a mostrar um perfil mais redondo e com ligeira untuosidade, fruto seco, fruta cristalizada e algum que outro toque petrolado.

Boca que junta a frescura desafiante com um conjunto que se sente redondo e muito harmonioso, a fruta marca aqui igual posição à tomada na prova de nariz, acompanhada de perto com fruto seco e leve tosta. A mineralidade aparece meio difusa entre a complexidade que sem ser grande, confere uma prova rica em detalhes, num final de boca com persistência mediana.

A madeira apesar de se mostrar suave, tirou-lhe parte da frescura e vivacidade que são por demais evidentes no Covela Escolha, apresentando-se como um vinho mais redondo, mais gordo e mais dengoso. Não o deixaria evoluir muito mais em garrafa, enquanto que o que apenas vê inox se adequa muito bem com marisco ou um peixe grelhado, este Colheita Seleccionada é um grande amigo de peixe no forno, com molhos onde a nata marca presença, como foi o caso.
15,5

Sem comentários:

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.