Copo de 3: BODEGAS JIMÉNEZ-LANDI SOTORRONDERO 2007

04 Novembro 2009

BODEGAS JIMÉNEZ-LANDI SOTORRONDERO 2007

Produzido pelas Bodegas Jiménez-Landi, o vinho Sotorrondero é considerado como a linha base deste recente produtor da D.O. Méntrida.
Em solos argilo-arenoso de natureza granítica, estão situados os 19 hectares que perfazem as quintas "Pedromoro" e "La Dehesa", com cepas de idade inferior aos 10 anos no caso da Syrah e a variar entre os 40-70 anos no caso da Garnacha, situadas a uma altura que ronda os 650 metros.
É aqui o berço do "Sotorrondero", um vinho que tem como base a casta Syrah, e que variando conforme o ano, se complementa com Merlot, Cabernet ou Garnacha, sendo a última maior alvo de escolha. A intervenção na vinha é mínima, com o objectivo de manter a máxima expressão das vinhas, que junta a Syrah com a Garnacha (neste caso).

Bodegas Jimenez Landi Sotorrondero 2007
Castas: Syrah 90 %, Garnacha 10 % - Estágio: 10 meses em barricas carvalho francês de 300 e 500 litros. - 14,5 % Vol.

Tonalidade ruby escuro de concentração média/alta.

Nariz a indicar presença de ligeiro químico que precisa de uma breve decantação. Mostrando desde logo uma boa intensidade de aromas, fruta negra (cereja, amora) bem madura com compota e especiarias. Abre para tons florais, baunilha, tosta, cacau e mineralidade sentida em fundo. Bem coeso e envolvente, fresco e com a madeira a mostrar bom entendimento com a fruta.

Boca com bom volume, estrutura média, frescura sentida capaz de compensar o peso da fruta bem madura que aqui se encontra ao mesmo nível da prova de nariz. Tem uma passagem de boca bem harmoniosa, combinando ligeira compota (na sensação de doce) com tosta da madeira, floral e especiaria. Mostra um bom equilíbrio entre fruta/madeira/frescura, com um final de boca médio/longo.

O que posso dizer, gostei muito e pelas palavras dos amigos a quem apresentei o vinho, ficou certo que é uma boa surpresa, talvez o vinho de mais fácil aproximação deste produtor, aquele que se mostra de uma forma mais fácil/esclarecedora, sem nunca deixar de lado o seu toque mais pessoal. Pela prova que deu pode ser bebido agora ou guardado mais algum tempo. Foram produzidas 28.000 garrafas, com um preço que a rondar os 10€ o torna um alvo bastante apetecível. 16 - 90 pts

Sem comentários:

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.