Copo de 3: Bétula branco 2011

22 Novembro 2012

Bétula branco 2011

Nova colheita deste branco Regional Duriense, renovo as palavras que já escrevi sobre ele, o vinho em causa dá pelo nome de Bétula, surge na Quinta do Torgal (Douro), Freguesia de Barrô, margem esquerda do Douro e é da colheita de 2011. Vinhas plantadas em 2006, enologia a cargo de Francisco Montenegro (conhecido pelos seus belos vinhos Aneto), num lote improvável no Douro com 50/50 de Viognier/Sauvignon Blanc. O preço recomendado ronda os 14€, algo que mais uma vez se mostra desajustado face à qualidade apresentada. Mais afinado e apertado no conjunto que as anteriores versões, é um branco com enorme vontade de querer ser algo que não é, centrado num aroma a lembrar azedas, fruta fresca de fino recorte nos toques exóticos, algum pêssego amarelo e ligeira mineralidade em fundo. Boca em harmonia e melhor que o nariz, saborosa e com frescura, sumo da fruta, toque herbáceo e novamente o toque de pedra molhada (se não sabe o que isto significa basta meter um seixo do rio na língua para encontra a dita sensação) no final de mediana persistência com envolvimento da madeira por onde passou parte do lote. Um vinho que deu um ligeiro salto qualitativo desde a sua primeira colheita, gostei mais, o suficiente para subir um degrau na escala, falta ver se aguenta por cá muito tempo. 90pts

Sem comentários:

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.